Notícias

Na tarde desta quinta-feira, 05/12, após um processo cansativo de negociação em que a Oi insistia em negar qualquer possibilidade de reajuste ou antecipações, construiu-se uma proposta que as comissões de negociação das federações LIVRE e FITRATELP consideram que a categoria deve avaliar.

Não é o que os trabalhadores reivindicam: o reajuste não é na data-base e não alcança integralmente a reposição das perdas inflacionárias do período. Entretanto, diante de uma conjuntura extremamente desfavorável, um cenário difícil de muitas incertezas dentro da empresa, essa foi a proposta construída com muita discussão e insistência dos dirigentes sindicais da Livre e da Fitratelp, que negociaram conjuntamente com a empresa

Essa proposta deverá agora passar pela avaliação dos trabalhadores nas assembleias dos trabalhadores em todos os estados representados pelas federações: AM, CE, ES, PE, RN, RJ, RO, RS, MG, SE, PI, PB, PA, DF e MA.

Aqui no Rio Grande do Norte as assembleias serão realizadas nas seguintes datas e horários:

Oi, na terça 10/12, às 16 horas, no prédio da empresa em Natal
Paggo, na quarta 11/12, às 8 horas, na loja da empresa no Midway Mall

Confira agora a proposta que será discutida e votada nas assembleias:

Operadora Oi
• Reajuste salarial de 2,5% em agosto/2020,
• Reajuste do tíquete e do auxílio creche de 2,5%, em janeiro/2020
• Tíquete extra (abono compensatório) no valor de R$ 1.000,00
• Antecipação de metade do 13º salário/2020 no dia 23/12/2019,
• Antecipação de 50% de um salário referente ao placar 2019, em 15/01/2020
• Manutenção de todas as demais cláusulas do atual acordo coletivo de trabalho.

Lojas Paggo
• Reajuste salarial de 2,5% em junho/2020
• Reajuste do tíquete e do auxílio creche de 2,5% em janeiro/2020
• Abono compensatório no valor de R$ 301,00 dia 20/12/2019
• Antecipação de metade do 13º salário/2020 no dia 23/12/2019,
• Antecipação 13° salário de 2020 para 23/12/2019
• Antecipação de 30% de um salário referente ao placar 2019, em 15/01/2020
• Manutenção de todas as demais cláusulas do atual acordo coletivo de trabalho.

Deixe uma resposta

Comentário
Nome*
Email*
Website*